Simplesmente Joana

terça-feira, fevereiro 28, 2006

Anos 80: ZZ Top - Gimme All Your Lovin'


Boneca falante

















Clicar na imagem, seleccionar a opção em português, escrever o texto, e desfrutar. É super divertido ouvir, e ver, a boneca virtual a falar os textos que escrevemos.

Via: Geração Rasca

domingo, fevereiro 26, 2006

Anos 80: The Police - Dont Stand So Close To Me


Posts da semana

quinta-feira, fevereiro 23, 2006

Anos 80: Peter Gabriel - Games Without Frontiers


Jade Mannequin































Boris Vallejo

segunda-feira, fevereiro 20, 2006

Anos 80: Michael Jackson - Billie Jean


Maresia

















Sayonara Fontoura, Maresia, 1999

Parabéns para a Sofia Vieira pelos dois anos do Controversa Maresia.

domingo, fevereiro 19, 2006

Anos 80: The Pretenders - I'll Stand By You


Simplesmente Manias


Em resposta a este desafio do Rodrigo, passo então a mencionar cinco das minhas manias, seleccionadas:

1. Entrar em todos os locais com o pé direito. Esta mania leva-me muitas vezes a tropeçar ou a ser "atropelada" por quem vem atrás de mim. :)

2. Quando chego a casa ao fim do dia, ligo a televisão (sem som), coloco um CD, e sirvo-me de um copo de vinho tinto, que acompanho usualmente com uma tosta barrada com queijo da Serra. Não se preocupem, não sou alcoólica.

3. Tenho de ir ao ginásio 3 vezes por semana senão começo-me a sentir mais gorda. No ginásio tenho mais umas quantas manias...

4. Guardo religiosamente todos os bilhetes dos espectáculos a que assisto. Cinema, teatro, exposições, concertos, etc. E em todos os bilhetes coloco um post-it com anotações sobre o espectáculo.

5. Tenho a mania que os homens preferem as morenas. ;)

Desafio:

Contança Cunha e Sá, Pedro Mexia, Francisco José Viegas, André Carvalho e António Balbino Caldeira.

Desconfio que este desafio acaba aqui. :D

Posts da semana

sexta-feira, fevereiro 17, 2006

Anos 80: INXS - Need You Tonight


Sexy fallen angel
















Boris Vallejo

quinta-feira, fevereiro 16, 2006

Willie's new gay cowboy song set in West Texas


Cowboys are Frequently Secretly (Fond of Each Other)

There's many a strange impulse out on the plains of West Texas
There's many a young boy who feels things he can't comprehend.
And a small town don't like it when somebody falls between sexes
Small towns dont like it when a cowboy has feelings for men.
And I believe to my soul that inside every man is the feminine
And inside every lady there's a deep manly voice loud and clear.
Well the cowboy may brag about things he has done with his women
But the ones who brag loudest are the ones who are most likely queer.

Willie Nelson

Provocações (2)


Qual é o livro mais pequeno do mundo?
- "Tudo o que os homens sabem sobre as mulheres"

Porque é que um homem não pode ter bom carácter e ser inteligente ao mesmo tempo?
- Porque senão seria mulher.

O que é que Deus disse depois de criar o homem?
- “Creio que posso aperfeiçoá-lo...”

Porque é que são necessários milhões de espermatozóides para fertilizar um único óvulo?
- Porque os espermatozóides são masculinos e recusam-se a perguntar o caminho.

Quando é que um homem perde 90% da sua inteligência?
- Quando fica viúvo.

(recebido por e-mail)

quarta-feira, fevereiro 15, 2006

Anos 80: Bananarama - Venus




Estas meninas, na segunda metade dos anos 80, eram o máximo. :)

Provocações (1)


O que é que as mulheres mais odeiam ouvir quando estão a fazer sexo?
- “Querida, cheguei…”

O que é que acontece às mulheres que conseguem entender os homens?
- Morrem de tanto rir e não têm tempo para contar a ninguém.

Porque é que os homens têm sempre a consciência limpa?
- Porque nunca a usam.

Porque é que Deus criou primeiro o homem e só depois a mulher?
- Porque os testes são sempre efectuados primeiro em animais.

Porque é que os homens gostam de mulheres inteligentes?
- Porque os opostos atraem-se.

(recebido por e-mail)

terça-feira, fevereiro 14, 2006

Anos 80: New Order - Blue Monday


domingo, fevereiro 12, 2006

Cântico negro


"Vem por aqui" — dizem-me alguns com os olhos doces
Estendendo-me os braços, e seguros
De que seria bom que eu os ouvisse
Quando me dizem: "vem por aqui!"
Eu olho-os com olhos lassos,
(Há, nos olhos meus, ironias e cansaços)
E cruzo os braços,
E nunca vou por ali...
A minha glória é esta:
Criar desumanidades!
Não acompanhar ninguém.
— Que eu vivo com o mesmo sem-vontade
Com que rasguei o ventre à minha mãe
Não, não vou por aí! Só vou por onde
Me levam meus próprios passos...
Se ao que busco saber nenhum de vós responde
Por que me repetis: "vem por aqui!"?

Prefiro escorregar nos becos lamacentos,
Redemoinhar aos ventos,
Como farrapos, arrastar os pés sangrentos,
A ir por aí...
Se vim ao mundo, foi
Só para desflorar florestas virgens,
E desenhar meus próprios pés na areia inexplorada!
O mais que faço não vale nada.

Como, pois, sereis vós
Que me dareis impulsos, ferramentas e coragem
Para eu derrubar os meus obstáculos?...
Corre, nas vossas veias, sangue velho dos avós,
E vós amais o que é fácil!
Eu amo o Longe e a Miragem,
Amo os abismos, as torrentes, os desertos...

Ide! Tendes estradas,
Tendes jardins, tendes canteiros,
Tendes pátria, tendes tetos,
E tendes regras, e tratados, e filósofos, e sábios...
Eu tenho a minha Loucura !
Levanto-a, como um facho, a arder na noite escura,
E sinto espuma, e sangue, e cânticos nos lábios...
Deus e o Diabo é que guiam, mais ninguém!
Todos tiveram pai, todos tiveram mãe;
Mas eu, que nunca principio nem acabo,
Nasci do amor que há entre Deus e o Diabo.

Ah, que ninguém me dê piedosas intenções,
Ninguém me peça definições!
Ninguém me diga: "vem por aqui"!
A minha vida é um vendaval que se soltou,
É uma onda que se alevantou,
É um átomo a mais que se animou...
Não sei por onde vou,
Não sei para onde vou
Sei que não vou por aí!

José Régio

sábado, fevereiro 11, 2006

Anos 80: Alphaville - Forever Young




Música dedicada a todos os adolescentes apaixonados dos anos 80. :)

Posts da semana

Refresh































Hajime Sorayama

quinta-feira, fevereiro 09, 2006

Bush on air


Se pressionarem o rato sobre Bush, podem conduzi-lo e abaná-lo. Também podem simplesmente vê-lo seguir em queda livre.

Clique sobre a imagem para experimentar! :)

terça-feira, fevereiro 07, 2006

Esquecimento


Esse de quem eu era e era meu,
Que foi um sonho e foi realidade,
Que me vestiu a alma de saudade,
Para sempre de mim desapareceu.

Tudo em redor então escureceu,
E foi longínqua toda a claridade!
Ceguei... tateio sombras... que ansiedade!
Apalpo cinzas porque tudo ardeu!

Descem em mim poentes de Novembro...
A sombra dos meus olhos, a escurecer...
Veste de roxo e negro os crisântemos...

E desse que era eu meu já me não lembro...
Ah! a doce agonia de esquecer
A lembrar doidamente o que esquecemos...!

Florbela Espanca

segunda-feira, fevereiro 06, 2006

Liga Árabe contra-ataca


Estou chocada com tamanha falta de gosto. (Via "Geração Rasca")

domingo, fevereiro 05, 2006

The Adorable Flirt

















Jon Hul - "Marilyn"

sábado, fevereiro 04, 2006

Posts da semana


Os posts que mais gostei nesta semana:

Por tudo, Eduardo Pitta - Por amor de Deus?

Pela força, Sofia Vieira - o amor na blogoesfera e cantinhos afins

Uma imagem vale mais que mil palavras, Sílvia Vaz Guedes - Ai querem um pedido de desculpas?

Um retrato perfeito da minha adolescência, André Carvalho - Geração de oitenta

sexta-feira, fevereiro 03, 2006

Não preciso de asas para voar











































Boris Vallejo

Reencontro com o amor


O mais singular livro dos livros
É o Livro do Amor;
Li-o com toda a atenção:
Poucas folhas de alegrias,
De dores cadernos inteiros.
Apartamento faz uma seção.
Reencontro! um breve capítulo,
Fragmentário. Volumes de mágoas
Alongados de comentários,
Infinitos, sem medida.
Ó Nisami! — mas no fim
Achaste o justo caminho;
O insolúvel, quem o resolve?
Os amantes que tornam a encontrar-se.

Johann Wolfgang von Goethe


Hoje reencontrei um amor antigo que nunca esqueci.
Sim, sou uma romântica, e depois? Deixem-me sonhar...

quinta-feira, fevereiro 02, 2006

Os homens andam enganados


"Os homens querem sempre ser o primeiro amor de uma mulher, e mulheres querem sempre ser o último romance do homem."

Oscar Wilde

quarta-feira, fevereiro 01, 2006

Simplesmente Joana


Gostaria que me chamassem Joana, simplesmente Joana.

Esta é a minha primeira experiência na blogosfera. Ando na casa dos trinta, sou de Lisboa e o resto, se quiserem saber, vão-me visitando.

Um enorme beijo para todos.